Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2014

Edmond Jabès + Belchior >>> Aprendam o delírio com coisas reais

Imagem
Ele - Há dias mais próximos da morte que da vida, em que o mundo se transforma para nós em fumaça. Esta noite. Esta manhã. O mundo arde, em mim, e eu vou caminhando.
Sei que não tenho a formação necessária, mas me atrevi a traduzir um pequeno poema doRobert Creeley. Retomei a leitura desse poeta americano nos últimos dias, por conta das conversas com oMario Bakuna. Há no Brasil apenas um pequeno livro que reúne um punhado de poemas dele traduzidos por Régis Bonvicino. A minha versão é a última.

NYC
Streets as ever blocky, grey – square sense of rectangular
enclosures, emphasized by the coldness of the time of year,
and the rain. In moving in the cab – continual sense of small
(as size, i.e., all “cars”, etc.) persistent difficulties.
Robert Creeley

NYC

Ruas como sempre blocos, cinza – quadrado senso de retangular
fechado, enfatizado pelo frio do tempo do ano,
e a chuva. Em movimento no táxi, contínuo senso de pequeno
(como medida, i.é, tudo “carros” etc.) dificuldades persistentes.

Tradução de Régis Bonvicino


NYC