poema 33

Fiz de minhas dores
minhas irmãs

Desfiz-me de meus amores
em plena manhã

Converti-me em caverna glacial
,escultura superficial
,solilóquios sem igual
,solitude radical

Au-Au-Au...
...é meu cachorro latindo ali fora aqui dentro

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Cap. 68 - O Jogo da Amarelinha