poema 31

O amor
com o tempo
cede ao julgamento

Isso nos dizem o príncipe da Dinamarca
e o mineiro de Itabira...


Será verdade que o sangue nos abandona
o coração
antes mesmo de regressar das veias
à terra?

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Cap. 68 - O Jogo da Amarelinha