poema 24

Novelos entalam
a garganta da alma. Falta
me ar ao estômago

Comentários

.luísa pollo disse…
engolindo algodão

Postagens mais visitadas deste blog

Cap. 68 - O Jogo da Amarelinha